Áea Restrita

 
     
 

Login: 

Senha:

 
     
     
 

Facilitador Contábil

 
     
  Cálculo do I.R.  
  Consultar CNPJ  
  Consultar CPF  
  Consultar Insc. Estadual  
Consultar CEP
  Validação DANFE  
  IVA ST ICMS/SP  
 Página Principal \ Destaques

“O valor do respeito”.

Como sabemos, uma das virtudes importantíssimas para a convivência é o respeito. O respeito é a base da convivência, a base de qualquer relação humana.

Que bom seria se houvesse um enorme respeito entre as pessoas! Um enorme respeito:
- entre marido e mulher;
- dos filhos perante os pais;
- dos pais perante os filhos;
- entre irmãos;
- entre namorados;
- entre colegas de trabalho;
- entre chefes e funcionários, etc.

Como conseguir este respeito?

Sabendo melhor de onde vem a palavra respeito. Ela vem de inclinar-se, isto é, de reconhecer a dignidade de algo ou de alguém.

Pensemos na pessoa humana. Qual é a sua dignidade? O ensinamento cristão é que toda vida humana é sagrada e portanto a sua dignidade,  o seu valor, é infinito.

Sabendo disto, pensemos agora num exemplo. Imaginemos que temos uma taça de cristal do século XVI e que pertenceu a uma família real europeia. Qual é o cuidado que teremos diante desta taça? Máximo, pois tem um valor incrível e a última coisa que queremos é quebrá-la.

Se já tomamos todo um cuidado com uma taça de cristal do século XVI que não passa de um objeto material, que cuidado teríamos que tomar com o ser humano que tem uma dignidade infinitamente maior do que um objeto material?

Portanto o cuidado, o respeito que temos que ter com qualquer ser humano, seja ele quem for, é máximo, máximo, máximo. Muito maior do que um objeto de cristal de valor incalculável.

Será que é assim que tenho respeitado as pessoas?

Vamos fazer o propósito de:
- jamais xingar uma pessoa!
- jamais maltratar uma pessoa!
- jamais desprezar uma pessoa!
- jamais agredir uma pessoa: quer seja por palavras, por ironias, por gestos, por ações!
- jamais, ainda que isto seja muito difícil, pagar o mal com o mal!
- vamos fazer o propósito de tratar todo ser humano, no mínimo, como uma joia preciosa!
- de segurar a nossa língua: que tantos estragos provoca!
- de tratar os outros como nós gostaríamos que fôssemos tratados!
- de não falar com as pessoas sem parar de fazer o que estamos fazendo e olhá-las!
- de pedir perdão por qualquer indelicadeza de tenhamos tido com alguém!
- de sermos cada vez mais delicados; e mesmo que tenhamos que corrigir ou exigir de alguém, que saibamos fazer com todo o respeito e admiração.

Um ambiente onde todas as pessoas se respeitam é praticamente o “céu na terra”! Comecemos nós indo na frente, dando exemplo, e, quem sabe, dentro de pouco tempo veremos muitas mudanças nas pessoas que nos cercam.

Uma santa semana a todos!

Pe. Paulo M. Ramalho

Topo | ? Voltar  

   
 

Copyright  © Mazzola Contabilidade - mazzolanet.com.br